Se isto não coisar clique aqui e assim. Olhe que não, shô Doutor! Olhe que não...: La boda <body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d6653557\x26blogName\x3dOlhe+que+n%C3%A3o,+sh%C3%B4+Doutor!+Olhe+que+n%C3%A3...\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://olhequenao.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://olhequenao.blogspot.com/\x26vt\x3d-538406010109702714', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
Olhe que não, shô Doutor! Olhe que não...

Verdades absolutas sobre basicamente tudo.
All great truths begin as blasphemies.
Nem mais. Porra. 

22 de maio de 2004

La boda

Algumas dúvidas acerca do casamento real que me têm vindo a assombrar:

- Como é que terá sido a despedida de solteiro do príncipe Felipe? Bebedeira monumental e orgia com dez strippers estrangeiras e o seu melhor amigo, o príncipe Alberto do Mónaco? Tudo no castelo, claro... E a da Letícia? Será que se resumiu a um jantar de amigas que, bem bebidas e com o cio, colocaram um daqueles adereços que, basicamente, consiste numa pila de plástico que fica suspensa na testa da noiva? Já reparei que é bastante popular neste género de ocasiões...

- Será que a TVI não sabe que o 1º de Dezembro de 1640 libertou o país do jugo espanhol e que nós nos estamos a cagar para um casamento real de estrangeiros? Aliás, a TVI não sabe que nós nos estamos a cagar para um casamento real seja de quem for? Especialmente para o que as pessoas vão vestir e as porcarias com nomes franceses que vão comer! Além disso, que merda de mais valia é suposto representarem os comentários de Júlia Pinheiro e Henrique Garcia, aquele gajo que está bronzeado o ano inteiro? Santa pachorra...

- Será que o bolo de casamento real também tem aquela torre com uns bonecos dos noivos em açúcar no topo? E se sim, será que alguém se vai virar para o príncipe e usar a célebre piada “Comé? Posso comer a noiva? Eh, eh!” (neste caso, seria qualquer coisa do género: “¿Como és? ¿Pudo papar a la novia? Eh, eh!”) E aquelas rosas em açucar impossíveis de comer? Também terá ou aquilo é exclusivo de bolos de casamento mais modestos?

- Finalmente, será que o fotógrafo encarregue de cobrir o casamento real vai ser tão original como aqueles que habitualmente encontramos nos casamentos portugueses? É que se for, podem-se preparar para ver, na Hola da semana que vem, as inovadoras fotos da escadaria da igreja com todos os convidados, as dos noivos a olhar embevecidos um para o outro debaixo de um carvalho (ou outro objecto natural), e, last but not least, as fotos dos noivos (quase) a beber champanhe, segurando os copos com os braços romanticamente entrelaçados. Já agora, será que a altura em que se atira arroz aos noivos é, à semelhança do que se passa em Portugal, a parte preferida de meia dúzia de amigos com os copos que mais parecem tentar fazer cair o noivo, tal a violência com que arremessam o cereal?


Enviar um comentário

© J. Salinas 2005 - Powered by Blogger and Blogger Templates